3 dicas para montar uma excelente vitrine virtual no e-commerce

4 minutos para ler

A vitrine virtual no e-commerce expõe os produtos à venda em um site. Como ocorre em uma loja física, que usa o espaço de contato com o público que circula em frente o estabelecimento, na internet, a exposição é determinante para garantir a permanência do visitante. Afinal, ele foi atraído com todo o esforço prévio exercido pelas ações de marketing.

Portanto, sua importância está na atratividade criada para o site, estimulando que o visitante navegue nas suas páginas e decida pela compra. Assim, a função da vitrine virtual é atrair, converter potenciais clientes e, como consequência, aumentar as chances de venda.

Conheça as dicas que separamos para ajudar a alcançar esses objetivos e para inserir o seu negócio no movimento de Transformação Digital!

1. Valorize a experiência do cliente

Não é novidade que o cliente pode facilmente fechar a página e continuar sua busca na concorrência se não encontrar o que precisa. Por isso, o primeiro objetivo da vitrine deve ser o de garantir o máximo de facilidade para ele.

Quanto mais amigável e intuitivo o ambiente, mais simples será para o consumidor que, além de tudo, está interessado em conhecer a opinião de outros clientes. Ele pode usar o celular na sua busca, o que exige um site responsivo, ou seja, com layout desenvolvido para uso em vários dispositivos.

Para considerar a experiência de um modo mais definitivo, saiba que o próprio conceito de design é hoje pensado em termos do uso e não apenas da atração visual. Isso significa que um bom design deve considerar meios de facilitar os passos que o comprador dá ao transitar pelo site, favorecendo uma boa experiência nessa caminhada.

Powered by Rock Convert

2. Cuide da imagem da marca

Cada detalhe que o consumidor observa no seu e-commerce é como um componente da sua marca. Uma imagem de produto clara transmite a ideia de que a empresa oferece soluções simples e fácies de usar, do mesmo modo que a organização do layout pode dar a entender que a empresa é eficiente.

Isso significa que imagens transmitem mensagens e que, conforme elas se acumulam na mente dos seus clientes, formam a ideia que fazem do seu negócio. Em essência, isso é a sua marca, ou o que o público pensa sobre a empresa, bem como a reputação que atribuem a ela.

Esse é um dos principais motivos para que você se preocupe com a qualidade da imagem: fortalecer os aspectos positivos relacionados à empresa, aos atributos dos produtos e aos serviços, além de sua adequação às tendências.

3. Valorize a harmonia

Um bom layout é livre de poluição visual e complementar. É por isso que o termo identidade visual é tão valorizado por especialistas de design. Pensando nisso, considere cada imagem e espaço da vitrine de forma individualizada, mas também no todo.

Quanto mais vezes o visitante tiver a sensação de que está em um ambiente luxuoso, por exemplo, maior será a sensação de sofisticação que ele vai experimentar ao sair do site. Desse ponto de vista, cada imagem pode funcionar como reforço da outra, desde que haja respeito a um padrão.

Para concluir, saiba os erros que precisa evitar em uma vitrine virtual no e-commerce. Os mais comuns são: informação em excesso, gerando poluição visual; desprezar relatórios e indicadores, que são fundamentais para entender o que precisa melhorar; e desconsiderar o ponto de vista do cliente, achando que pode deduzir as preferências dele.

Agora, compartilhe este post e dissemine essas dicas fundamentais para o sucesso de um e-commerce!

Cases de sucesso SimplusPowered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário