Entenda as vantagens e como vender medicamentos online

6 minutos para ler

Hoje, com o crescimento cada vez mais evidente dos aplicativos e de diferentes canais da internet, o consumidor tem à sua disposição diversas alternativas para que possa realizar as suas compras com praticidade.

Não há a necessidade para se deslocar nem mesmo ao supermercado, uma vez que já existem opções que realizam esse tipo de serviço. Dessa forma, tornou-se essencial para uma farmácia conhecer as vantagens e entender como é possível vender medicamentos online para que esse seja um diferencial.

Pensando nisso, elaboramos este material para que você saiba mais sobre o tema e tire suas dúvidas. Continue a leitura e saiba mais!

Quais são as regras para a venda de medicamentos online?

Para vender medicamentos online, é preciso inicialmente ter atenção quanto às principais regras existentes. A primeira delas é a necessidade de a farmácia ou drogaria ser aberta ao público. Além disso, é preciso que tenha um farmacêutico responsável durante o horário de funcionamento do negócio, de modo que possa realizar a liberação dos medicamentos por meio da internet ou outro canal disponível.

Confira outras normas e regras importantes!

Canais de venda

Só é possível oferecer a venda de medicamentos online no site da farmácia ou da rede. Além disso, existe a necessidade de o domínio ser “.com.br”. Logo na home da página, algumas informações devem ser contidas de fácil visualização, como:

  • razão social da farmácia e nome fantasia;
  • endereço completo;
  • horário de funcionamento e telefone para contato;
  • informações relacionadas ao Conselho do Farmacêutico Responsável Técnico, como nome e número de inscrição;
  • Autorização de Funcionamento pela Anvisa;
  • Autorização Especial de Funcionamento para farmácias, em casos que existir a necessidade;
  • mensagens de alerta, bem como recomendações sanitárias de acordo com as determinações da Anvisa.

Divulgação de preços

Além disso, é preciso ter uma atenção especial quanto à divulgação de preços, uma vez que também conta com características específicas para a vender medicamentos online. Segundo a RDC 44/99 da Anvisa, em sites de farmácias e drogas são vedados:

  • propagandas;
  • publicidades;
  • promoção de medicamentos de venda sob prescrição médica (independentemente da página);
  • utilização de imagens.

No que se refere à divulgação de preços dos medicamentos disponíveis, as listas devem contar apenas:

  • nome comercial do produto;
  • o número de registro na Anvisa;
  • o preço do medicamento;
  • o nome do detentor de registro;
  • apresentação dos principais dados relacionados ao medicamento, como concentração, quantidade, forma farmacêutica, entre outros.

Como vender medicamentos online? Confira as principais dicas!

Agora que você já sabe as principais regras relacionadas à venda de medicamentos online, chegou o momento de apresentarmos algumas dicas de como ampliar os resultados por esses canais. Confira!

Tenha atenção sobre a restrição publicitária

O primeiro passo é ter atenção quanto a restrição publicitária. Conforme abordamos, há normas que se referem a publicidade e divulgação em sites de farmácia.

Quanto às divulgações, é possível fazer apenas medicamentos isentos de prescrição, itens de primeiros socorros, suplementos alimentares, além de materiais de higiene pessoal, caso haja a venda no seu estabelecimento.

As informações devem estar claras ao cliente. Ou seja, o anúncio deve ser escrito em cores fortes com o fundo claro, ou vice-versa. Caso contrário, pode haver dificuldade de leitura pela pessoa, o que não é permitido pelas normas publicitárias desse segmento.

Atenção: essas regras também valem para divulgações offline, portanto, é preciso conhecer de forma precisa para que não tenha nenhum tipo de problema.

Tenha um farmacêutico online

Outro ponto importante para vender medicamentos online: é preciso contar com um farmacêutico disponível para os clientes. Da mesma forma que acontece em uma venda presencial, na qual o profissional está à disposição do público para tirar as principais dúvidas e realizar a venda de forma segura e profissional, na internet também é necessário contar com um colaborador para que possa esclarecer eventuais questionamentos.

Nesse sentido, existe a necessidade de buscar por soluções que possibilitam esse contato próximo, como chats ou formulários de contatos.

Defina uma meta para as vendas

Assim como em qualquer outra estratégia para a sua farmácia, o ideal é que seja definida uma meta de vendas para que possa analisar como estão os resultados e quais são os pontos que de melhoria que podem ser adotados. Além disso, contar com metas e objetivos bem alinhados permitirão um foco maior por parte de seus profissionais, além de um estudo mais detalhado sobre o público, suas necessidades e o que ele procura na internet.

No entanto, tenha atenção para que essas metas não sejam muito agressivas. Caso contrário, poderá trazer a desmotivação de seus colaboradores, o que reduz a produtividade e impacta os resultados como um todo.

Conheça bem os seus produtos

Apesar de parecer uma dica óbvia, essa dica é fundamental para quem vai vender medicamentos online. Afinal, é necessário que você entenda quais são aqueles mais indicados para a venda em outros canais e quais são as informações importantes exigidas pela legislação que devem ser contidas para que o cliente tenha à disposição os principais dados.

Conte com um bom mix de produtos

Contar com um bom mix de produtos vai possibilitar que o seu cliente encontre tudo aquilo que ele procura, além de reduzir os riscos de ele ir para o canal de um concorrente para adquirir outros itens que não estão disponíveis em seu site.

Ofereça um bom atendimento

Mesmo que seja de forma virtual, é essencial contar com um bom atendimento para que possa fidelizar seus clientes. Afinal, buscar por estratégias que cativem o consumidor e contribuam para que ele retorne às suas páginas possibilitará um maior reconhecimento por parte do público, além de diminuir a necessidade de grandes investimentos em marketing.

Além disso, existe a possibilidade de oferecer descontos e programas de fidelidade, de modo que ele seja estimulado a adquirir novos itens.

Neste conteúdo, você pôde entender as principais regras para vender medicamentos online, além de conferir algumas dicas práticas de como é possível iniciar com esses canais de comunicação. Não se esqueça de buscar no mercado uma ferramenta que contribua de forma efetiva para as vendas, que categorize os produtos de forma simplificada e torne a experiência do consumidor mais rica.

Se deseja saber um pouco mais sobre isso, entre em contato com a nossa equipe e saiba mais!

Cases de sucesso Simplus
Posts relacionados

Deixe um comentário