Como funciona o marketing farmacêutico na era digital? Entenda aqui

Marketing farmacêutico
7 minutos para ler

As farmácias e drogarias têm enfrentado grandes desafios nos últimos tempos em virtude do aumento da concorrência. O número de estabelecimentos que atuam nesse ramo aumentou significativamente, fato que tornou a competividade mais acirrada e dificultou boa parte dos ganhos.

Nesse sentido, houve a necessidade de implementação de novas estratégias, a fim de se ganhar mais visibilidade e aumentar a lucratividade dos negócios. Diante desse cenário, o marketing farmacêutico vem despontando como uma ótima alternativa para potencializar as vendas e impulsionar o negócio.

Quer atrair e conquistar mais clientes? Neste post, vamos apresentar as principais informações sobre as estratégias de marketing farmacêutico na era digital. Confira!

O que é o marketing farmacêutico?

O marketing farmacêutico consiste em técnicas de publicidade específicas e direcionadas a estabelecimentos farmacêuticos, como farmácias e drogarias, a fim de que alcancem um mercado maior e ganhem mais visibilidade perante o público-alvo, levando mais pessoas a fecharem negócios com a loja. No entanto, para isso, os gestores devem estabelecer estratégias claras para otimizar a comunicação com os potenciais clientes.

Sendo assim, o marketing digital vem ganhando destaque dentro da indústria farmacêutica, e sua estratégia consiste em publicidade e divulgação de produtos e serviços por meio da criação de uma comunicação e de um vínculo estável com o público, que está cada vez mais exigente e consciente de sua importância para o mercado. No entanto, o marketing farmacêutico não deve ser direcionado somente a vendas, mas também a outras ações, como a captação, a conquista, a retenção e a fidelização dos clientes.

Quando se trata do setor farmacêutico, a comunicação precisa ter um tom diferente, uma vez que essa área está diretamente relacionada à saúde e à vida das pessoas. Além disso, o Conselho Federal de Farmácia (CFF) — órgão representativo, regulador e fiscalizador da atividade farmacêutica — e seus Conselhos Regionais de Farmácia (CRF) criam regulamentos e recomendações nesse sentido.

Que estratégias de marketing digital podem ser adotadas?

Conheça, a seguir, algumas técnicas de marketing digital que podem ser criadas para impulsionar a publicidade e melhorar a imagem dos estabelecimentos comerciais farmacêuticos.

Marketing de conteúdo

Essa estratégia é baseada na criação, publicação e promoção de conteúdos úteis, relevantes e personalizados para o público-alvo, com o intuito de atrair o seu interesse e criar um público fiel. No entanto, para isso, é preciso que sejam elaborados materiais interessantes, que tratem de assuntos referentes a essa área, como a importância de se seguir a prescrição médica, os riscos da automedicação, a importância de se consultar um médico regularmente, etc.

Crie um site e um blog

Atualmente, marcar presença online já virou uma estratégia básica para um negócio ganhar mais visibilidade e obter melhores resultados, principalmente para quem mantém um e-commerce, afinal, quem não é visto pode não ser lembrado. Portanto, crie um site, um blog e um perfil nas redes sociais. A dica é manter-se ativo na internet, divulgar a sua mensagem e os valores do estabelecimento.

É muito comum, antes de se comparecer a um médico, buscar por conteúdos na internet para sanar dúvidas iniciais sobre saúde. E é aí que o seu futuro cliente pode chegar até você. Para isso, tenha o cuidado de criar um perfil e uma página otimizada, com informações claras e precisas. A intenção deve ser transmitir confiança e credibilidade para o público, de modo que ele passe a enxergar o seu estabelecimento como uma referência quando o assunto for medicação, saúde e outras questões farmacêuticas.

E-mail marketing

O e-mail marketing consiste em ações de publicidade entre a empresa e seus leads por meio do correio eletrônico, viabilizando uma comunicação mais pessoal e amigável com os clientes em potencial. Essa estratégia tem como principais objetivos engajar os leads, promover o seu conteúdo, nutrir e educar os leads para a futura venda, promover uma relação com os consumidores e fortalecer o vínculo com os clientes.

A partir do disparo de e-mails com conteúdos úteis, é possível obter informações importantes sobre o retorno das campanhas. Isso porque algumas ferramentas automatizadas têm a capacidade de escalar todo o procedimento e, por meio da análise de relatórios e gráficos, saber o nível de sucesso da ação publicitária — número de destinatários que abriram o e-mail, quantidade de pessoas que clicaram no link ou fizeram a ação solicitada na mensagem, quem o deletou, etc.

De uma maneira geral, o e-mail marketing pode ser enviado com uma das seguintes estratégias:

  • aviso sobre atualizações do blog;
  • criação de newsletters;
  • convites para eventos;
  • aviso sobre promoções e cupons de descontos;
  • confirmação de uma compra online, etc.

Marketing de relacionamento

Essa estratégia está voltada para a construção e a consolidação da sua marca no mercado, com o objetivo de conquistar e fidelizar os clientes, fortalecer o vínculo com os fornecedores e ganhar mais autoridade perante o mercado.

Muitos empresários e gestores não dão a real importância à boa experiência do consumidor, negligenciando os benefícios para a empresa, o que pode ser um grande erro para a atração e a prospecção de leads.

Confira, a seguir, algumas técnicas de marketing de relacionamento que auxiliam na propagação da marca:

  • conquistar maior intimidade com o seu lead;
  • chamar seu lead pelo primeiro nome;
  • mostrar-se interessado nas necessidades do cliente e estar à disposição para sanar os problemas;
  • continuar os laços com o cliente mesmo após a venda;
  • enviar mensagens aos clientes em datas especiais, como aniversário, natal, dia das mães, dia dos pais, páscoa e outras;
  • distribuir brindes e realizar sorteios para aumentar o engajamento.

Todas essas atitudes contribuem diretamente para que o cliente se sinta valorizado pela sua marca, havendo, assim, maiores chances de ele se tornar fiel à sua empresa farmacêutica.

Programas de fidelização

Crie programas de fidelidade para estimular o maior consumo. Ofereça cartões de fidelização para que os consumidores se tornem mais assíduos e retornem ao estabelecimento ou à empresa farmacêutica. Afinal de contas, manter o vínculo com o cliente é muito mais barato do que ter de conquistá-lo. Além disso, clientes fidelizados funcionam como verdadeiros embaixadores da sua empresa, indicando o seu negócio para amigos, familiares e conhecidos.

O marketing farmacêutico é considerado uma das melhores estratégias para agregar valor ao estabelecimento e fazê-lo se destacar perante o mercado. Nesse sentido, o ideal é contar com uma empresa especializada para ajudar no planejamento das técnicas de marketing da sua farmácia.

Quer saber mais sobre as técnicas de marketing para alavancar os resultados da sua empresa? Então, mantenha contato com a gente! Curta a página da Simplus no Facebook e confira nossos conteúdos!

Cases de sucesso Simplus
Você também pode gostar

Deixe um comentário