O que é e como calcular o share de gôndola? Entenda aqui

4 minutos para ler

Você sabe como calcular o share de gôndola? Entender a importância desse número e como obtê-lo é essencial para o sucesso do negócio e para a aplicação de estratégias capazes de promover um uso mais inteligente dos recursos.

Com essas informações, é possível desenhar ações de marketing eficientes e que tragam um melhor retorno dos investimentos. Quer entender mais sobre o conceito e como é calculado? Continue a leitura!

O que é share de gôndola?

O share de gôndola é uma métrica importante para varejistas e marcas, e está totalmente relacionado ao espaço físico ocupado pelos produtos de determinado fabricante. Ele indica o espaço que a indústria tem reservado nas prateleiras dos supermercados, dos atacadistas e das drogarias para a exposição dos produtos do seu negócio. 

Seu cálculo é importante para concentrar esforços e investimento nas ações que realmente trazem um retorno significativo.

É importante não confundi-lo com o market share, que aborda a participação da empresa dentro do mercado consumidor, algo mais abrangente.

Como se relaciona com o PDV?

Se você é uma pessoa um pouco mais observadora, percebe que os produtos são distribuídos de maneira estratégica nas prateleiras, de forma a incentivar o consumidor à compra.

O share de gôndola tem uma ligação importante com essas estratégias do PDV (ponto de venda), afinal, o planejamento de exposição dos produtos está ligado ao resultado das vendas, e consequentemente, ao faturamento da marca.

Como saber o nível ideal de shelf space?

Não há como definir um nível ideal de shelf space que possa ser usado como fórmula para todas as empresas. Esse índice varia de acordo com o produto, o nicho de atuação, o público-alvo e até a região na qual o PDV está localizado.

Porém, uma dica que pode ser seguida por todos é ter atenção à exposição dos produtos nas prateleiras e sempre avaliar o investimento feito em relação ao retorno obtido.

O que você deve saber para calcular e negociar o share de gôndola?

Para manipular melhor as informações obtidas para o cálculo e a negociação do share de gôndola, alguns pontos devem ser considerados. Destacamos aqui os três mais importantes.

Medir os espaços

O primeiro passo é entender como medir corretamente os espaços, considerando a categoria e o PDV. Para isso, basta comparar o total de frentes do seu produto dentro daquele ponto de venda e o total de concorrentes presentes no mesmo estabelecimento, aplicando uma regra de três. Assim, você obtém a porcentagem de espaço ocupado pela sua marca.

Encontrar oportunidades

Após a avaliação do shelf space que a sua empresa ocupa em todos os pontos de venda em que estão expostos, é importante pensar em estratégias para ampliar essa participação. Avalie os locais onde seus produtos são mais vendidos, o público-alvo e o que pode ser feito para aumentar o destaque.

Aliar-se à tecnologia

Embora seja um cálculo simples, exige precisão e certa habilidade com os números. Planilhas pode ajudar nesse trabalho, mas recomendamos o uso de soluções digitais mais práticas e precisas para que você consiga mensurar o share de gôndola de maneira eficiente.

Saber como calcular o share de gôndola traz uma visão muito mais ampla do negócio e da relação desse conceito com o faturamento da empresa. Colocando esses conhecimentos em prática, é possível direcionar melhor as ações a fim de aumentar as vendas.

Gostou do conteúdo? Aproveite para compartilhá-lo nas redes sociais!

Cases de sucesso SimplusPowered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário